Exibição de documentários na UNIVILLE

Notícias 05 de agosto de 2019

No sábado, dia 03/08, ocorreu exibição dos documentários “Mulheres no cárcere: onde estão suas/seus filhas/os?” e “Licença Poética”, na UNIVILLE Campus Joinville.

Além das exibições, ocorreu também um debate com produtoras/es de ambas as obras.

Na foto, da esquerda para a direita: Jader Rampinelli (Zoé Audiovisual e Fotografia), Suiany Zimermann Bail (IDDH) e Jonathan Francisco (IDDH), pelo Mulheres no Cárcere. Altamir Andrade (Roteirista) e Julium Schramm (Montagem), pelo Licença Poética. Também participou do debate o Professor Fernando de Lima (Coordenador do EMAJ da Univille), parceiro do projeto Mulheres no Cárcere. O debate contou com a mediação da Professora Fernanda Lapa (Coordenadora da Clínica de DH da Univille). Foi aberto ao público e também contou com a presença de alunas/os do 4º semestre do curso de Direito.

MULHERES NO CÁRCERE: ONDE ESTÃO SUAS/SEUS FILHAS/OS?

Sinopse: Diane ficou até o quarto mês de gravidez em um presídio, sem assistência médica e sem encontrar sua filha. Ela foi uma das beneficiárias da prisão domiciliar, garantida por lei a mulheres gestantes ou mães de crianças em até 12 anos e de pessoas com deficiência.A história dela é contada no mini-documentário Mulheres no Cárcere: onde estão suas/seus filhas/os?, parte de um projeto de sensibilização da sociedade e do judiciário para os direitos das mães e das suas crianças, executado pelo IDDH e pela Clínica de Direitos Humanos, com apoio do Fundo Brasil de Direitos Humanos.Realizadores: Instituto de Desenvolvimento e Direitos Humanos (IDDH) e Clínica de Direitos Humanos da Univille. Apoio: Fundo Brasil de Direitos HumanosProdução: Zoé
Local de execução: Joinville
Ano: 2019
Gênero: Documentário
Duração: 11 minutos e 18 segundos
Classificação indicativa: Livre

LICENÇA POÉTICA

Sinopse: Curta-metragem sobre o tema Literatura em Cárceres, que tem como pano de fundo o Projeto de Leitura e Remição de Pena em prática desde 2013 no Complexo Prisional de Joinville. O projeto está alinhado com o Movimento Nacional ODS e focado no ODS 16 (Paz, Justiça e Instituições Eficazes) e contribui para a META 4 do Plano Municipal de Cultura, oferecendo à comunidade de Joinville uma obra cinematográfica que aborda um tema complexo e que, com certeza, provocará na mesma indagações e reflexões.
Roteiristas: Ilaine Melo e Altamir Andrade
Diretora: Ilaine Melo
Diretor de Fotografia: Fabrício Porto
Trilha Sonora: Lausivan Correa
Produtor Executivo: Altamir Andrade
Montagem: Julium Schramm
Difusão do Filme: Ivan Melo
Produção: Ipê ProduçõesLocal de execução: Joinville
Ano: 2019
Gênero: Documentário
Duração: 25 minutos 
Classificação: Livre.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *